Filme paraibano ‘Sangue por Sangue’ é selecionado na Mostra Tiradentes

Filme tem direção de Ian Abé e Rodolpho de Barros e é o único representante paraibano em Tiradentes. ‘Sangue por Sangue’ terá estreia simultânea, presencial e online, no dia 24 de janeiro.

Cena do filme ‘Sangue por Sangue’, selecionado na Mostra de Cinema de Tiradentes.

O curta-metragem ‘Sangue por Sangue’, dirigido por Ian Abé e Rodolpho de Barros, foi selecionado para a Mostra de Cinema de Tiradentes, tradicional festival cinematográfico. O trabalho é o único representante paraibano dentro do evento.

O filme apresenta o dilema vivido por três homens, que são interpretados por Tavinho Teixeira, Servilio de Holanda e Geyson Luiz. Aparentemente isolados em uma misteriosa floresta, eles tomam decisões que mudam para sempre seus destinos e suas relações. Já por trás das câmeras, o filme contou com uma equipe formada totalmente por profissionais paraibanos.

O filme vai ser exibido presencialmente no dia 24, em Tiradentes, Minas Gerais. Já na internet, vai estar disponível a partir das 16h do dia 24 até as 16h do dia 25, na plataforma do Festival de Tiradentes. A Mostra de Cinema de Tiradentes é gratuita.

Ao JORNAL DA PARAÍBA, os diretores disseram que a seleção de “Sangue por sangue” no Festival de Tiradentes afirma o lugar de relevância que o cinema paraibano tem construído com a presença de vários outros filmes ao longo desses últimos anos, nos mais variados festivais nacionais e internacionais.

É sempre importante ter um representante paraibano para mostrar que é possível acessar esses espaços com nossos filmes e incentivar a produção e divulgação do nosso cinema, sobretudo por ‘Sangue por Sangue’ ser um filme realizado por uma equipe totalmente paraibana, o que demonstra a capacidade da técnica no nosso Estado”, Rodolpho De Barros, diretor.

 

Veja também  Opinião: Elza, nossa voz de mulher preta, por Silvia Torres

Sangue por sangue
Ficção | Colorido | DCP | 13min | PB | 2021

Direção: Ian Abé, Rodolpho de Barros

Disponível:  16h de 24/01 até 16h de 25/01

Classificação: Não recomendada para menores de 12 anos

Longe de tudo e de todos, três homens selam seus destinos.