Camila Esposte
Láuriston Pinheiro

Engenho São Paulo participa de Encontro Nacional de Colecionadores de Cachaça e Apreciadores

Evento está acontecendo em Vassouras (RJ), até 28 de novembro.

A Cachaça São Paulo chega como uma das grandes atrações do evento, já que foi premiada na 20ª edição do concurso “Vinhos e Destilados do Brasil” — única premiação dedicada exclusivamente a produtos deste setor, do Brasil.Foto: divulgação.
Maior produtor de cachaça de alambique do Brasil e premiado nacionalmente, o Engenho São Paulo, de Cruz do Espírito Santo-PB, vai expor seus rótulos reverenciados no 1º Encontro Nacional de Colecionadores de Cachaça e Apreciadores e IV Feira de Cachaças de Vassouras, Rio de Janeiro.
Os eventos acontecem simultâneamente desde ontem até 28 de novembro.
O município de Vassouras, que é um dos mais importantes da região conhecida como Vale do Café, está abrindo as portas para a tradicional degustação de cachaça e debates com os produtores para se tornar a Capital Fluminense da bebida.
O encontro tem o objetivo de valorizar e divulgar o produto, tipicamente brasileiro e que tem na Paraíba um dos expoentes no Brasil, incluindo um dia estadual para comemorar a bebida: 10 de junho.
A Cachaça São Paulo chega como uma das grandes atrações do evento, já que foi premiada na 20ª edição do concurso “Vinhos e Destilados do Brasil” — única premiação dedicada exclusivamente a produtos deste setor, do Brasil.
Na degustação às cegas com um júri composto por jornalistas, sommelieres e compradores de bebida, o Engenho São Paulo foi contemplado com 5 medalhas.
A Cachaça São Paulo Cristal levou o duplo ouro, a Cachaça Cigana Carvalho com medalha de ouro e a Cachaça Caipira e a Cachaça São Paulo Original foram premiadas com medalhas de prata.

Veja também  Avatares vão virar o novo fenômeno da internet