MP e Polícia Militar querem jogo entre Bota-PB e Santa Cruz com torcida única

Recomendações deste tipo normalmente são acatadas pela CBF.

Foto: Larissa Keren / GloboEsporte.com/pb

O Ministério Público da Paraíba (MPPB), através da Comissão Permanente de Prevenção e Combate a Violência nos Estádios de Futebol, se reuniu nesta sexta-feira com representantes do Botafogo-PB e da Polícia Militar para discutir sobre o próximo jogo do Belo como mandante, no sábado da semana que vem, quando recebe o Santa Cruz pela Série C. O clube provocou o MPPB porque quer que a partida seja disputada com torcida única. A comissão e a PM concordaram com o pedido e recomendaram que apenas a torcida da casa esteja presente no Almeidão no jogo.

A tenente da Polícia Militar, Thais Queiroz, e o tenente-coronel Ferreira, do Batalhão de Operações Especiais (Bope), concordaram com a alegação botafoguense e o presidente da comissão, Valberto Lira, procurador do MPPB, elogiou o pedido do clube pessoense.