Governo do Estado aumenta limite de público em Almeidão e Amigão para 30% da capacidade

Estádio de Campina Grande já está liberado para recebe cerca de seis mil torcedores. Almeidão aguarda novo decreto municipal que vai aumentar o limite de público

(Foto: Dionisio Outeda/98 FM/ge)

O Governo do Estado publicou um novo decreto nesse sábado, em que aumenta o limite de público dos estádios Almeidão e Amigão. O Estado autorizou que as praças esportivas administradas pelo Governo podem receber um público de 30% da capacidade de cada estádio. Anteriormente, apenas 20% da capacidade estava liberada.

Agora, com a mudança, o Amigão já pode receber um público de cerca de 6 mil torcedores já no próximo jogo do Campinense, pela partida de volta da semifinal da Série D do Campeonato Brasileiro, diante do Atlético-CE, que ainda não tem data para acontecer. Como a Prefeitura Municipal de Campina Grande já havia editado um decreto municipal liberando 40% da capacidade nos estádios na cidade, a versão mais restritiva se sobrepõe, ou seja, a do Governo do Estado.

Já em relação ao Almeidão, em João Pessoa, a liberação do Governo do Estado para que o estádio receba 30% da sua capacidade ainda não entra em vigor. É que o decreto atual da Prefeitura Municipal de João Pessoa sobre público em campos de futebol libera apenas um público de 20%, sendo, portanto, a versão mais restritiva.

Veja também  Após mudança na diretoria, Treze dispensa Fernando Gaúcho da direção de futebol

Em contato com a reportagem da TV Cabo Branco na manhã desta segunda-feira, no entanto, o secretário de Saúde de João Pessoa, Fábio Rocha, afirmou que nos próximos dias o decreto municipal vai liberar 30% da capacidade do Almeidão, a exemplo do que fez o Governo do Estado.

O Botafogo-PB joga duas vezes na semana em João Pessoa. Na quarta-feira, o Belo encara o Imperatriz-MA, pela fase eliminatória da Copa do Nordeste 2022. No sábado, o Alvinegro volta a campo, dessa vez pela Série C do Campeonato Brasileiro, diante do Criciúma.