César Guidetti prega foco da Unifacisa para voltar às primeiras posições do Novo Basquete Brasil

Após atuação abaixo da crítica contra o Caxias, paraibanos desejam triunfo contra Mogi Basquete para permanecer na zona de classificação para a Copa Super 8.

César Guidetti, técnico Unifacisa | Foto: Gabriella Tayane / Unifacisa

A derrota por pelo placar de 53 a 70 para o Caxias, na última rodada do Novo Basquete Brasil, chacoalhou os ânimos no Basquete Unifacisa. Prova disso é que o técnico do Jacaré, César Guidetti, garantiu que após o revés para os gaúchos uma conversa com o elenco foi realizada buscando diminuir as falhas cometidas nos últimos jogos pela elite do basquete nacional. A expectativa do chefe da comissão técnica é que já na partida contra o Mogi das Cruzes, na próxima quarta-feira, uma vitória seja conquistada para arrefecer os ânimos. 

Após a melancólica aparição contra o Gambá gaúcho, a comissão técnica da Unifacisa foi agraciada com doze dias de preparação antes do tour que a equipe fará longe de casa, quando, além do Mogi, equipe imediatamente abaixo na tabela, enfrentará também o Pato Basquete, um dos últimos colocados do NBB. Para os compromissos, os paraibanos não contarão com o armador Trevor Gaskins e com o ala Kevin Crescenzi, que estão fora por compromisso com a seleção nacional. As falhas apresentadas, de acordo com César Guidetti, foram pautas de longas conversas com seus comandados na busca por uma resolução rápida e efetiva. 

“Estamos com uma semana cheia para se preparar para os próximos dois jogos contra Mogi e Pato Basquete. Teremos os desfalques dos nossos dois atletas estrangeiros que estarão com suas respectivas seleções nacionais, mas tivemos uma longa conversa com a equipe para corrigir nossas falhas de forma rápida. Iniciar os jogos da maneira que estamos iniciando não pode acontecer. Credito muito isso à concentração. Temos que começar os jogos mais ligados, mais focados, para não precisar ficar correndo atrás do resultado durante toda a partida” avaliou.

Unifacisa terá dois jogos fora de casa | Foto: Gabriella Tayane/Unifacisa

Veja também  Jefinho e Renato Conceição se apresentam no Treze e projetam boa temporada no clube

Com três vitórias e três derrotas, a Unifacisa figura na sétima posição da tabela de classificação com 50% de aproveitamento. Mesmo dentro da zona de classificação para a Copa Super 8, primeiro grande objetivo dos paraibanos, a inconsistência apresentada nas seis partidas realizadas até o momento na temporada 2021/2022 do NBB tem incomodado, uma vez que o Jacaré não  tem conseguido manter um padrão de jogo entre os compromissos. De acordo com César Guidetti, o trabalho diário com os comandados é que dará margem para o time evoluir e alcançar os objetivos almejados.

“Temos que melhorar o nosso dia a dia, pois é esse trabalho diário que nos fará evoluir. Meu pensamento agora é na partida contra o Mogi. Temos que fazer um bom jogo, apagar a imagem que deixamos na última partida, que não foi nada boa, principalmente em termos de postura e atitude. É trabalhar para fazer um bom jogo em São Paulo e, só assim, pensar nos próximos compromissos” afirmou. 

A partida entre Basquete Unifacisa e Mogi Basquete acontecerá na próxima quarta-feira, dia 1, no Ginásio Municipal Professor Hugo Ramos, em Mogi das Cruzes. Na temporada 2020/2021 do NBB as equipes se enfrentaram por quatro oportunidades, duas pela temporada regular e duas pelos playoffs. No placar geral, duas vitórias para cada lado, com a equipe paulista se dando melhor na fase eliminatória.