Obama e Bush devem depor em julgamento sobre 11 de setembro

Advogados de acusados de participação nos atentados às torres gêmeas pediram depoimentos de oito autoridades.

Os advogados dos acusados de terem participado dos atentados de 11 de setembro de 2001 às torres gêmeas World Trade Center nos Estados Unidos pediram que a Justiça chame para depoimentos oito autoridades americanas, incluindo o ex-presidente George W. Bush e o atual mandatário, Barack Obama.

A defesa dos acusados afirma que os presidentes citados no documento desferiram "declarações incendiárias" que afetaram o julgamento, em documento divulgado ontem pela Justiça americana. O pedido já foi recusado pela acusação.

Veja também  Resultado preliminar dos classificados na prova objetiva do concurso de Campina Grande é divulgado

Além de Obama e Bush, também foi chamado o vice-presidente Joe Biden. Os advogados dos suspeitos de participação no atentado pedem a saída dos cargos às oito autoridades.

"Um abandono dos cargos é o único tratamento possível frente a essas declarações de influência ilegal", informa o documento.