Explosão de bomba mata 19 e fere 16

Pessoas viajavam em um micro-ônibus quando a bomba foi detonada, ao lado de uma estrada local.

A explosão de uma bomba deixou 19 pessoas mortas, mulheres e crianças em sua maioria, que se dirigiam a um casamento no Norte do Afeganistão hoje, informou a polícia local.

Outras 16 pessoas ficaram feridas na explosão no distrito de Dawlat Abad, na província de Balkh, disse o porta-voz da polícia Shir Jan Durani, acrescentando que o Taleban está por trás do ataque.

As pessoas viajavam em um micro-ônibus quando a bomba foi detonada, ao lado de uma estrada local.

"Eles queriam participar de uma festa de casamento no vilarejo.
A bomba foi plantada pelos inimigos do Afeganistão", disse Durani.

Veja também  Cerca de 90% dos acidentes de trânsito, em CG, foram causados por falha humana em setembro

Dawlat Arab fica a 750 quilômetros da capital afegã, Cabul.
O presidente do país, Hamid Karzai, condenou o ataque. "Plantar uma bomba numa estrada utilizada por civis e matar tantos inocentes representa uma barbárie", disse Karzai em comunicado.

De acordo com relatório da ONU, 77% das mortes entre janeiro e junho no Afeganistão foram causadas por insurgentes.

O mesmo documento diz que 29% das mortes de civis são causadas por bombas caseiras.

A violência tem aumentado no país ao mesmo tempo em que se aproxima o prazo para retirada da maioria das tropas estrangeiras, no final de 2014.