Grupo é preso quando se preparava para explodir caixa em Campina Grande

Quadrilha estava sendo investigada e foi capturado no momento em se preparava para realizar uma nova ação.

A Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) da Polícia Civil prendeu seis pessoas, em flagrante, suspeitos de integrarem uma quadrilha de explosão a caixas eletrônicos de bancos, na Paraíba. O grupo já estava sendo investigado e foi capturado no momento em que se preparava para realizar uma nova ação, durante a madrugada desta quarta-feira (30), em Campina Grande.

Segundo o delegado seccional da Polícia Civil de Campina Grande, Luciano Soares, ainda foram encontrados equipamentos para arrombamento, explosivos, grampos e um simulacro de pistola. Na manhã desta quarta, às 10h, haverá uma entrevista coletiva com a imprensa, onde a polícia dará detalhes sobre o grupo preso e ação. Ainda de acordo com a DRF, este grupo já teria praticado outros ataques.
 
De acordo com os dados do Sindicato dos Bancários da Paraíba, somente este ano já foram registrados 110 ataques contra bancos no estado. Entre os casos estão, 61 explosões, três assaltos, 23 arrombamentos, 10 tentativas e 13 golpes do tipo saidinha de banco. Em todo o ano de 2014 ocorreram 116 ocorrências de violência. 
Veja também  Gkay vira meme com fotos de divulgação do look usado na festa de Luciano Huck