Trânsito da avenida Pedro II será liberado nesta sexta-feira, diz prefeitura

Trecho próximo ao Ibama, sentido zona sul, está interditado desde o dia 3 de setembro.

Trecho da avenida Pedro II será liberado nesta sexta-feira. Foto: Divulgação

O trânsito da avenida Pedro II será liberado nesta sexta-feira (17), segundo a Prefeitura de João Pessoa. O trecho próximo ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), sentido zona sul, está interditado desde o dia 3 de setembro. O motivo da interdição foi uma cratera que se abriu no local.

Para planejar a retirada dos bloqueios, uma visita técnica foi realizada nesta quinta-feira (16). Esteve presente o vice-prefeito de João Pessoa, Leo Bezerra, o gestor da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob-JP) George Morais. Da mesma forma, o secretário da Secretaria de Infraestrura (Seinfra) Rubens Falcão também participou.

Cratera surgiu na avenida Pedro II

O trecho próximo ao Ibama, sentido zona sul, foi interditado após o surgimento de uma cratera, motivada pelo rompimento de uma galeria de águas pluviais. Um carro caiu no buraco e duas vítimas, uma adolescente e um homem adulto, foram resgatadas com a ajuda da população que estava no local. No dia 4, a Prefeitura iniciou a obra para conserto da tubulação.

Veja também  Estudante impede acidente com ônibus escolar descontrolado na Paraíba
Carro sendo retirado da cratera que se formou na Avenida Pedro II, em João Pessoa. Foto: Semob-JP/Divulgação

A avenida é uma das principais da capital paraibana, portanto, a interdição do local modificou o trânsito da cidade.

O secretário da Seinfra, Rubens Falcão, explicou que foi feita uma nova galeria com material da melhor qualidade, concreto muito bem feito sem atropelo das etapas com o maior cuidado e segurança. “O trânsito será liberado e vamos deixar fluir para que haja uma acomodação natural do terreno para na semana que vem seja feito o asfalto”, disse.

Por fim, além do reparo na tubulação, a obra vai revitalizar a pintura da sinalização horizontal que foi desgastada e instalar novamente o radar medidor de velocidade que é de 50km/h.