Feminicídio: mulher é morta a facadas por ex-companheiro, em São João do Cariri

O suspeito já respondeu por outro feminicídio na cidade de Cabaceiras.

homem é preso suspeito de matar a companheira a facadas, em São João do Cariri. Foto: Divulgação/Polícia Civil
homem é preso suspeito de matar a companheira a facadas
Homem é preso suspeito de matar a companheira a facadas, em São João do Cariri.
Foto: Divulgação/Polícia Civil

Uma mulher foi morta a facadas no sítio Juremas, em São João do Cariri. Ela foi identificada como Fernanda Justino de Brito, 24 anos. O ex-companheiro da vítima confessou o crime de feminicídio e foi encaminhado à cadeia pública da cidade.

De acordo com o delegado Leonardo Pinho, o suspeito já respondeu por outro feminicídio na cidade de Cabaceiras.

Conforme informações da Polícia Civil, o homem confessou terminou o com Fernanda há poucos dias e ficou incomodado ao vê-la na companhia de outro homem, em uma festa.

Veja também  Outubro Rosa: Procon identifica variação de preços de exames femininos

“Então, ele foi para a residência onde o casal morava e ficou à espera de Fernanda. Quando ela chegou, o suspeito desferiu vários golpes de faca, assassinando a ex-companheira”, relatou o delegado Gilson Duarte.

Depois do crime, o homem preso cobriu o corpo da vítima com um lençol e levou o cadáver até uma cacimba no leito do Rio Jurema. Ele ainda queimou os objetos utilizados para ocultar o corpo e se desfez da faca usada no assassinato.