Flexibilizações do novo decreto da PB começam a valer nesta sexta (1º); saiba o que muda

Estão liberados shows, eventos e jogos com 20% da capacidade de público dos locais.

(Foto: Dionisio Outeda/98 FM/ge)

As flexibilizações do novo decreto do Estado da Paraíba têm início nesta sexta-feira (1º) e são válidas até o próximo dia 17 de outubro. A determinação também traz medidas de controle epidemiológico contra a Covid-19, especialmente para o segmento de eventos. O Jornal da Paraíba destaca abaixo os principais pontos do documento.

Saiba quem pode participar de shows

Os shows e eventos podem ocorrer na modalidade presencial, desde que com a permissão de apenas 20% da capacidade de público dos locais em que são realizados.

É preciso o cumprimento de todos os protocolos elaborados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) e pelas Secretarias Municipais de Saúde.

Será exigido dos frequentadores a apresentação de testes negativos para Covid-19, realizados dentro do prazo de até 72 horas antes dos eventos.

Também será necessária a comprovação de ter recebido pelo menos uma dose de uma das vacinas contra a Covid-19 há 14 dias, ou duas doses, para quem tem o esquema vacinal completo.

Veja como os eventos esportivos podem acontecer

Os eventos esportivos também têm o limite máximo de público de até 20% da capacidade do local.

O público deve ser distribuído em pelo menos quatro setores diferentes, cada um com uma entrada exclusiva.

As pessoas devem comprovar a aplicação de primeiras doses dos imunizantes contra a Covid-19 há pelo menos 14 dias ou do ciclo de imunização completo. Os comprovantes podem ser a carteira de vacinação digital ou em papel.

Eventos corporativos

Os eventos sociais e corporativos podem ser realizados com até 50% por cento da capacidade do local, observando todos os protocolos elaborados pela Secretaria Estadual de Saúde e pelas Secretarias Municipais de Saúde.

Veja também  Ligação do Altiplano com o HU e cassação de chapa eleita em setembro em Gado Bravo são os destaques da semana

Uso de máscaras

O uso de máscaras de proteção facial continua obrigatório em todo território do estado da Paraíba, mesmo que artesanais, nos espaços de acesso aberto ao público, a exemplo de vias públicas, no interior dos órgãos públicos, nos estabelecimentos privados e nos veículos públicos e particulares, inclusive em ônibus e táxis.

Bares e restaurantes

Bares, restaurantes, lanchonetes, lojas de conveniência e estabelecimentos semelhantes seguem com o funcionamento nas suas dependências das 6h até 0h, com ocupação de 50% da capacidade do local.

É proibida a comercialização de qualquer produto para consumo no próprio estabelecimento, antes e depois desse horário.

Em horários diferentes do que o permitido para atendimento presencial, o funcionamento pode acontecer apenas por meio de entrega em domicílio ou para retirada pelos próprios clientes.

Os estabelecimentos que funcionem no interior de shoppings centers e centros comerciais podem funcionar com atendimento nas suas dependências até 22h, com ocupação de 50% da capacidade do local.

Comércio e serviços

Os estabelecimentos do setor de serviços e o comércio podem funcionar até dez horas contínuas por dia, sem aglomeração de pessoas nas suas dependências e observando todas as normas de distanciamento social e os protocolos específicos do setor.

Novas previsões

Ainda conforme o decreto, novos limites de público para eventos sociais na modalidade de shows poderão acontecer mediante o alcance da cobertura vacinal de 70% do público-alvo com esquemas vacinais completos para Covid-19 e manutenção da média móvel de 14 dias da taxa estadual de transmissibilidade do novo coronavírus menor que 1,0.