Perseguição policial tem troca de tiros na Avenida Pedro II e quatro pessoas ficam feridas, em João Pessoa

Dois suspeitos teriam assaltado uma banca de apostas no Centro da capital e uma perseguição começou após uma viatura policial presenciar a ação.

Troca de tiros entre polícia e suspeitos de assalto deixa quatro feridos, em João Pessoa. (Foto: Divulgação/Polícia Civil
Uma troca de tiros entre suspeitos e a Polícia Militar deixou pelo menos quatro pessoas feridas, na manhã desta terça-feira (5), em João Pessoa. A ação começou após dois suspeitos assaltarem uma banca de apostas no Centro da capital. Policiais presenciaram o crime e iniciaram uma perseguição, em uma viatura. O tiroteio começou na altura da Avenida Pedro II e uma perseguição policial foi iniciada, tendo fim somente na BR-230, próximo a Mata do Buraquinho.
De acordo com informações da Polícia Militar, duas pessoas que estavam na Avenida Pedro II, um motorista e outra pessoa que estava em uma parada de ônibus, ficaram feridos. Um policial também foi atingido de raspão na cabeça.
Durante a perseguição, próximo a uma universidade particular na BR-230, os suspeitos pararam o veículo e entraram na Mata do Buraquinho. Eles trocaram tiros com a equipe da PM, abandonaram o carro usado próximo ao Batalhão de Policiamento Ambiental e entraram na mata, quando foram capturados. Durante as buscas, a Polícia Militar conseguiu localizar os suspeitos dividindo a equipe, que foi toda mobilizada para ações, incluindo policiais do Batalhão de Operações Especiais.
Na mata, houve troca de tiro no momento da abordagem. Um dos suspeitos estava ferido na perna. Ele foi conduzido em um helicóptero para uma área de campo da universidade particular e, em seguida, conduzido em uma ambulância do Corpo de Bombeiros para o hospital. O outro suspeito foi detido e será apresentado na delegacia.
As três vítimas, as duas que foram atingidas na Pedro II e o policial, foram encaminhadas para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. Duas das vítimas, de 48 a 30 anos, levados pelo Samu, permanecem internadas em estado de saúde considerado estável. A outra vítima, o policial, que é do 1º Batalhão e tem 46 anos, foi conduzido em viatura da PM, recebeu os primeiros atendimentos médicos e recebeu alta.
Duas armas e uma bolsa com muito dinheiro, que seria da banca de apostas assaltada, foram apreendidos pela Polícia Militar. Ainda foram apreendidas duas armas, um revolver calibre 38 e um pistola calibre 380. O carro tem placas do Rio Grande do Norte e a princípio não tem registro de roubo. Há informações que existiria um terceiro homem envolvido, mas ele ainda não foi localizado.

Veja também  Detran-PB suspende transferência de veículos de outros estados no mês de dezembro