Seis em cada dez paraibanos devem presentear no Natal, diz Fecomércio

Peças de vestuário e calçados devem ser as opções de presentes mais buscadas pelos paraibanos, diz a pesquisa.

Seis em cada dez paraibanos devem presentear no Natal, de acordo com uma pesquisa divulgada pela Fecomércio Paraíba. A pesquisa também mostra que peças de vestuário, calçados e brinquedos são as opções de presentes mais buscadas pelos paraibanos.

Segundo a pesquisa feita pelo Instituto de Planejamento, Estatística e Desevolvimento da Paraíba (INPES) da Fecomércio, 62,12% deve presentear no Natal. O levantamento também informa que os filhos serão os que mais receberão presentes, indicados por 52,50% dos consumidores, seguidos pelos namorados ou cônjuge (40,63%), mãe (27,50%) e pai (16,88%).

De acordo com Marconi Medeiros, presidente da Fecomércio na Paraíba, a expectativa é que o desejo de presentear dos consumidores se transforme em um grande volume de vendas e, consequentemente, gere mais emprego e renda para a população.

Veja também  Vagas para cursos em Centro de Línguas e adiamento do retorno presencial da Justiça da PB são destaques da semana

A pesquisa também mostra que as peças de vestuário e os calçados ficaram como as principais opções de presente, citados por 62,57% e 21,93% dos entrevistados. Os brinquedos aparecem em terceiro lugar, citados por com 21,39% dos entrevistados como opção de presente.

O gasto estimado com os presentes de fim de ano deve ficar na média de R$ 198,80 por consumidor. Conforme a Fecomércio, a maioria dos entrevistados, um total de 37,97%, pretende gastar entre R$ 101 e R$ 250 com as compras.

Sobre os locais de compra, a pesquisa mostrou que a maioria dos paraibanos, 58,29% dos entrevistados na pesquisa, pretendem dar preferência aos shoppings centers. Já 32,09% irá consumir em lojas localizadas no Centro de João Pessoa; enquanto 25,13% irá comprar através do e-commerce.