Polícia prende padrasto acusado de violentar enteada por três anos

Delegada diz que menina contou abuso à uma tia, que foi à polícia e denunciou o fato. Homem está preso, deve ser interrogado e depois deverá ser levado ao Roger.

Da Redação

José Luiz de Oliveira Monteiro, de 37 anos, foi preso na manhã desta quinta-feira (9), acusado de abusar sexualmente a enteada de 11 anos. José Luiz foi preso após denúncia feita por uma tia da menina.

Segundo a delegada responsável pela delegacia de crimes contra a infância, Joana D’arc, a menina contou a uma tia na tarde de quarta que há três anos era violentada pelo padastro. “Não agüentando mais a situação, ela revelou o caso a uma tia”, disse a delegada.

Ainda de acordo com a delegada, a menina já passou por exames de corpo e delito e o abuso foi confirmado. A mãe da criança deve ser ouvida nesta tarde, mas a delegada acredita que ela não sabia o que estava acontecendo na própria casa, que fica no bairro Valentina, em João Pessoa.

José Luiz, que era casado com a mãe da menina há seis anos, também será ouvido durante a tarde. Ele já está detido e após ser ouvido deve ser encaminhado para o presídio do Roger.

Segundo Joana D’arc, em 90% dos casos de crianças violentadas que são atendidos pela delegacia especial os agressores são os próprios pais ou padastros.