Dois paraibanos morrem afogados

Os dois afogamentos estão sendo investigados pela Polícia Civil.

Dois paraibanos morreram ontem vítimas de afogamento. Um deles foi o bancário e estudante de Direito campinense Júlio César Gomes de Abreu. Ele estava com amigos em um jet ski em um açude da cidade de Campo Maior, no Estado do Piauí.

O paraibano seguia como passageiro do veículo, guiado pelo jovem José Martins Soares FIlho. Júlio César caiu na água e acabou não conseguindo sair do reservatório.

O delegado da cidade, Daniel Pires, informou que a polícia civil está apurando se o condutor do jet ski possuía autorização para conduzir o equipamento, assim como se houve no acidente algum tipo de imperícia ou imprudência.

Veja também  Frangos mortos são despejados em canal na região do Centro de Campina Grande

Também na manhã de ontem, os bombeiros encontraram o corpo de um carroceiro que teria se afogado no Rio do Peixe, na zona rural da cidade de Sousa. Francisco Júnior de Oliveira, de 24 anos, teria ido nadar sozinho quando sofreu o acidente.

Inicialmente não foi constatado pelo Corpo de Bombeiros e Polícia Civil nenhuma marca de agressão no corpo da vítima. A polícia fez o levantamento de informações no local e encaminhou o corpo do carroceiro para o Núcleo de Odontologia e Medicina Legal (Numol) de Patos, para ser periciado.