Procon-JP notifica distribuidoras de alimento por aumento abusivo de preços

Desde o início das medidas restritivas de quarentena, pelo menos 32 estabelecimentos foram notificados pelo órgão.

Foto: Divulgação Procon JP
Foto: Divulgação Procon JP

Distribuidoras de alimentos e de produtos de higiene de João Pessoa estão sendo notificadas pelo Procon municipal para que justifiquem o aumento nos preços de alguns produtos comercializados em supermercados. Além das distribuidoras, alguns supermercados da capital também foram alvos de notificação do Procon após apresentar reajustes nos preços de alimentos durante a quarentena preventiva ao coronavírus.

O Procon-JP tem fiscalizado os locais após receber denúncias de de moradoras, que identificaram no ato da compra preços abusivos em materiais comuns. Desde o início das medidas restritivas de quarentena, pelo menos 32 estabelecimentos foram notificados pelo órgão. Os supermercados estão sendo notificados para que apresentem as notas fiscais de compras como feijão e arroz, de forma a identificar possível abusos de preços por parte das distribuidoras.

De acordo com a secretária Maristela Viana, a notificação às distribuidoras faz parte das investigações sobre os preços. “Os distribuidores estão fornecendo os produtos já com aumento e os supermercados estão repassando ao consumidor. Até onde percebemos que a grande maioria dos revendedores não está praticando abusividades ao exorbitar a margem de lucro. Dependendo da justificativa dos distribuidores, vamos atrás de uma explicação dos fornecedores”.

A população pode continuar denunciando o aumento abusivo de preços ou outras questões, como o descumprimento de quarentena, através dos números(83) 3218-5720, e 0800 083 2015, ou pelo e-mail procon@joaopessoa.pb.gov.br.