Combate à pandemia: veja como denunciar aglomerações na Paraíba

Órgãos estão intensificando a fiscalização durante as festas de fim de ano.

Foto: Walter Paparazzo/G1
Foto: Walter Paparazzo/G1

A pandemia do novo coronavírus nos impôs a necessidade de distanciamento social. Quanto mais pessoas estão juntas, maiores são as chances de disseminar a Covid-19. Por isso, diversos órgãos reguladores estão fiscalizando locais públicos e privados para combater possíveis aglomerações e, assim, auxiliar no enfrentamento à pandemia.

Na Paraíba, vários municípios, como João Pessoa e Campina Grande, suspenderam a queima de fogos e as tradicionais festas de Réveillon neste ano, com o objetivo de, justamente, evitar uma grande concentração de pessoas em pontos específicos. Uma outra medida para barrar a disseminação do vírus foi o decreto do Governo do Estado que restringiu o horário de bares e restaurantes. Além das proibições, os órgãos fiscalizadores devem reforçar o combate às aglomerações.

 

Saiba a quem denunciar aglomeração de pessoas na Paraíba

 

Polícia Militar

Desde o início da pandemia, a Polícia Militar tem coibido festas clandestinas e atuado na conscientização de pessoas que possam estar aglomeradas em locais públicos, como na orla da capital João Pessoa e em demais pontos turísticos do estado. Várias festas já foram encerradas, e a fiscalização segue em toda a Paraíba. Você pode denunciar aglomerações junto à Polícia Militar por meio do Disque 190.

 

Procon 

O Procon Estadual também está atuando em combate às aglomerações para evitar contágios pelo novo coronavírus. As pessoas podem ligar para o Disque 151 para denunciar irregularidades junto ao Procon-PB. Em João Pessoa, o Procon Municipal pode ser contatado através do telefone (83) 3214-3042, e em Campina Grande, pelo WhatsApp (83) 98185-8168.

 

Agevisa

A Agência Estadual de Vigilância Sanitária (Agevisa) está atuando na fiscalização sanitária, formulando protocolos pelos quais estabelecimentos comerciais devem ser submetidos. Portanto, a população pode entrar em contato com a Agevisa pelo telefone (83) 3321-5956 para denunciar não apenas aglomerações, mas principalmente descumprimentos à normas de biossegurança, como por exemplo, a não utilização máscaras e distanciamento social em bares e restaurantes.