João Paulo Medeiros

Senador deve anunciar novo partido até 15 de janeiro

Senador anunciou saída do PSB na semana passada. MDB, Podemos, Cidadania e REDE são possibilidades

Foto: Ascom

Depois de uma desfiliação ‘turbulenta’ do PSB na semana passada, o senador Veneziano Vital do Rêgo deverá anunciar, até 15 de janeiro, a sua nova legenda. Ele deverá dialogar ainda com partidos como o MDB, o Podemos, o Cidadania e a REDE, que já sinalizaram interesse em tê-lo nos seus quadros.
“Esses próximos dias, até 15 de janeiro, serão os dias que me valerei para ter uma definição acerca dos encaminhamentos que adotarei em termos de escolha partidária”, disse o senador, em entrevista à Rádio CBN, acrescentando que a sua saída do PSB “é um processo público”.

Veja também  O dia ‘D’ de Romero, a ‘emancipação política’ e os ventos turbulentos de Brasília

Após o anúncio da desfiliação, porém, o PSB publicou uma nota em que atribui a saída do senador à “ambição eleitoral” e a um “personalismo desmedido”.

O fato é que até o dia 15 Veneziano anunciará o seu futuro partidário. Há quem acredite, como certo, no retorno dele aos quadros do MDB paraibano. Mas tudo dependerá dos entendimentos e pretensões das demais lideranças da legenda no Estado.
Partidos como o Podemos, a Rede e o Cidadania, do governador João Azevêdo, também são possíveis ‘destinos’ partidários para o senador.
Independente do partido, Veneziano sonha, assim como qualquer liderança política, em ter uma legenda sob o seu comando.