João Paulo Medeiros

Ministros cumprem agenda na Paraíba. Bolsonaristas 'raiz' foram convidados para mesa ou ficarão na plateia?

Grupo mais genuíno tem reclamado do tratamento dado pelos ministros de Bolsonaro

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Até o fim da semana a expectativa é de que mais dois ministros do Governo Federal visitem a Paraíba. Hoje será a vez de João Roma, da Cidadania, João Roma. Ele estará em João Pessoa e visitará o Banco de Alimentos Municipal para a assinatura do Termo de Doação do veículo MobSUas ao município de Santa Rita.
O evento está previsto para ser realizado às 15h. João Roma ainda participará da entrega simbólica de cestas de alimentos, numa solenidade no Hotel Sesc Cabo Branco.
Na sexta quem deve desembarcar na Capital é o paraibano Marcelo Queiroga. Ele deverá se reunir com o prefeito Cícero Lucena (Progressistas); e com o governador João Azevêdo (Cidadania), no sábado.
Foto: Ascom ALPB

Mas a pergunta que já circula nos bastidores é: o grupo ‘raiz’ do bolsonarismo na Paraíba será convidado para as solenidades ou ficará na plateia?

Semana passada o deputado Walber Virgolino (Patriota), que faz parte do grupo ‘raiz’, abriu fogo contra a postura do ministro Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional. Marinho visitou o Estado ao lado do deputado Aguinaldo Ribeiro, do Progressistas.
A insatisfação não é só de Walber. Entre os bolsonaristas mais genuínos as ‘queixas’ são grandes.
Numa véspera de São João elas poderão ser transformadas em ‘fogos’ e ‘rojões’…

Veja também  Distantes há meses, aliados de João Azevêdo e Veneziano questionam sobre quem soltou a mão primeiro