Angélica Nunes
Laerte Cerqueira

João Azevêdo e outros governadores vão solicitar audiência com Bolsonaro, Congresso Nacional e STF

Por ANGÉLICA NUNES e LAERTE CERQUEIRA

 

Foto: divulgação/Secom-PB

O governador João Azevêdo (Cidadania) participou hoje (23), por videoconferência, de uma reunião do Fórum de Governadores do Brasil, para debater a escalada da crise entre os poderes e a defesa da democracia. Os gestores decidiram solicitar audiência com os chefes dos Três Poderes para discutir medidas sociais e econômicas, além de matérias de interesse dos estados que tramitam no Congresso Nacional e na Suprema Corte.

O pedido de agenda será endereçado ao presidente Jair Bolsonaro e aos presidentes do Senado e da Câmara Federal, Rodrigo Pacheco e Arthur Lira, respectivamente, e também ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Os governadores também defenderam o Pacto pela Vida, a partir de ações para controlar a disseminação de variantes do coronavírus, ampliar a vacinação no país e garantir a assistência em saúde das pessoas com sequelas da Covid-19, bem como o trabalho integrado para o retorno das aulas presenciais.

“Nós queremos manter um ambiente institucional em todos os níveis de governo, por isso, estamos solicitando audiências com a Presidência da República, com os presidentes do Congresso Nacional e do STF para avançarmos em pautas de interesse da sociedade e defendidas pelos governadores”, comentou João Azevêdo.

O governador também evidenciou a importância de manter o diálogo com as instituições. “Estas audiências têm como objetivo criar um ambiente institucional que permita o retorno das discussões das pautas de interesses de toda sociedade, o que, sem dúvida alguma, é o que a população espera: ter de volta a esperança de ver um país melhor”, acrescentou.

Veja também  Anvisa recebe pedido de uso emergencial de pílula oral contra Covid-19