Angélica Nunes
Laerte Cerqueira

Deputada quer audiência com reitor para discutir cobranças de alugueis na UFPB

A parlamentar protocolou um pedido de audiência com o reitor Valdiney Gouveia para tratar a questão das cobranças de alugueis a empresários que prestam serviços dentro da instituição. Segundo ela, cobranças abusivas.

A deputada Cida Ramos (PT) entrou na briga contra o que chama de “investida da gestão da Universidade Federal da Paraíba (UFPB)” contra comerciantes, alunos, servidores e professores.

A parlamentar protocolou um pedido de audiência com o reitor Valdiney Gouveia para tratar a questão das cobranças de alugueis a empresários que prestam serviços dentro da instituição. Segundo ela, cobranças abusivas.

Cida afirmou ao Conversa Política que após um período de quase dois anos com aulas na modalidade remota, os quiosques que ofertam alimentação e demais serviços, e que tiveram seus trabalhos interrompidos em função da pandemia, foram surpreendidos com aumentos absurdos em seus contratos de alugueis.

Vejamos o caso do quiosque do CCHLA, que já pagava R$ 7 mil, passa a pagar R$ 11 mil. Sem contar as distorções existentes, bancos pagam bem menos que um quiosque, possuindo o uso da área muito maior”, denuncia a deputada Cida Ramos.

Órgãos 

No pedido de audiência, a deputada também solicitou a presença da Defensoria Pública da União (DPU) na reunião, bem como das entidades dos três segmentos: Diretório Central dos Estudantes (DCE), Sindicato dos Trabalhadores em Ensino Superior do Estado da Paraíba (SINTESPB), Associação dos Docentes da Universidade Federal da Paraíba (ADUFPB) e Associação dos Permissionários.

Veja também  Professores da UFPB participam de missão internacional de pesquisa na ONU, em Nova Iorque