João Paulo Medeiros

Fusão entre Cidadania e PV provocaria mudanças no xadrez político paraibano

Foto: reprodução
Foto: reprodução

Os entendimentos das executivas nacionais dos partidos Cidadania, do governador João Azevêdo, e Partido Verde (PV), legenda do ex-prefeito Luciano Cartaxo, estão avançados. Além da sobrevivência eleitoral, há também convergências ideológicas nos dois partidos que fazem parte de uma ‘esquerda moderada’.

Se ‘vingar’ a junção vai provocar mudanças no xadrez político paraibano. Seria inevitável.

A incorporação pode provocar dois movimentos: a aproximação de Azevêdo e Luciano Cartaxo para 2022, caso o ex-prefeito continue no PV; ou a mudança partidária de Cartaxo, que tem o nome cotado para um retorno ao PT.

Veja também  Polícia Federal faz operação e cumpre mandados na Paraíba contra ‘esquema’ de lavagem de dinheiro com comércio de ouro

Nos bastidores integrantes das duas legendas dizem que as negociações entre os partidos, em âmbito nacional, estão próximas de um desfecho. Mas há diálogos também com outras agremiações.

O movimento segue  uma tendência do que tem ocorrido com o Democratas e o PSL, em processo de fusão há algum tempo.

Por enquanto, aliados de João Azevêdo e Luciano Cartaxo na Paraíba analisam o cenário e os desdobramentos que poderiam ocorrer. As duas partes mantêm os olhos voltados para Brasília…