João Paulo Medeiros

Governo busca nomes em Campina Grande e emplaca filho de Rômulo Gouveia no PSB

Filho de Eva Gouveia vai para o PSB, mas ela permanece no PSD

Foto: Ascom
Foto: Ascom

Com duas candidaturas oposicionistas na cidade (Veneziano Vital e Pedro Cunha Lima), o grupo liderado pelo governador João Azevêdo (PSB) tem mirado em novos nomes para o debate político em Campina Grande. Um deles é o do secretário de saúde do Estado, Geraldo Medeiros, que pode disputar as eleições deste ano.

Um outro já foi oficializado no fim de semana.

O médico Rômulo Filho, filho do ex-deputado Rômulo Gouveia, filiou-se ao PSB para disputar uma cadeira na Câmara Federal.

Nesse caso de Rômulo, o curioso é que a mãe dele, a secretária Eva Gouveia, é um dos principais nomes do PSD – partido fundado por Rômulo Gouveia e que hoje é comandado no Estado pelo ex-prefeito de Campina, Romero Rodrigues.

Sem conseguir levar o partido para a base do Governo, Eva optou por filiar o filho ao partido de Azevêdo.

Nos dois casos, para o Governo, o movimento é de tentar minimizar o espaço vazio na cidade.

Veja também  TJPB mantém condenação de ex-presidente de Câmara que nomeou esposa como assessora

Após a saída de Veneziano da base e com a candidatura de Pedro, os governistas precisam restabelecer as forças na segunda maior cidade do Estado. O desafio, às vésperas do processo eleitoral, não é dos menores.