Saúde Alerta

André Telis

Você já ouviu falar na síndrome do cativeiro?

A Síndrome do cativeiro é uma doença rara ocasionada por danos no cérebro.

Cérebro comanda todas as ações do nosso corpo
(Tânia Rêgo/Agência Brasil)

Também conhecida como Síndrome de Locked-In, caracteriza-se por paralisia de todos os músculos do corpo. A exceção são músculos que controlam o movimento dos olhos ou das pálpebras.

Nela, o paciente fica ‘preso’ dentro do seu próprio corpo (daí o nome de cativeiro) sem conseguir se movimentar ou comunicar, mas continua consciente, percebendo tudo o que acontece à sua volta.

Entre as causas da síndrome do cativeiro que é uma doença rara estão lesões cerebrais traumáticas, após um AVC, efeitos colaterais de medicamentos, esclerose lateral amiotrófica, traumatismos cranianos, meningite, hemorragia cerebral ou até mesmo mordida de cobra.

Essa semana, uma servidora do Hospital Universitário Lauro Wanderlei portadora da Sïndrome do Encarceramento  ganhou na justiça o direito de continuar em teletrabalho. 

Esta síndrome não tem cura. A gente conversou sobre a síndrome com o neurologista Alex Meira, ele é professor de Neurologia da Faculdade de Medicina da UFPB.