Entre Linhas

Paraibanos passam em branco, e Brasil perde para os EUA no goalball masculino, nas Paralimpíadas de Tóquio

Emerson Silva — que havia marcado na estreia — e José Roberto não foram às redes nesta segunda rodada

Por Entre Linhas

Em jogo emocionante e cheio de viradas, a seleção brasileira de goalball perdeu para os Estados Unidos pelo placar de 8 a 6, na segunda rodada da primeira fase do goalball masculino nos Jogos Paralímpicos de Tóquio. Vale lembrar que o Brasil tem em seu elenco os paraibanos Emerson Silva e José Roberto.

Diferentemente do que aconteceu no jogo da estreia, onde o paraibano Emerson Silva marcou um dos gols da goleada por 11 a 2 contra a Lituânia, na partida contra os EUA não houve gol de paratleta paraibano.

Leomon Goalball
Leomon marcou três gols para o Brasil, mas não foi suficiente para vencer os EUA (Foto: Reprodução / Instagram)

Em quadra, duas seleções medalhistas na Rio 2016, pois o Brasil ficou com o bronze e os EUA com a prata. O jogo com mais de uma virada começou com o Brasil à frente no placar, com gol de Romário em cobrança de pênalti. A seleção americana empatou com Young, mas José Márcio pôs a amarelinha em vantagem novamente. A virada americana veio ainda no primeiro tempo, com Merren empatando e José Márcio marcando contra, finalizando a primeira etapa em 3 a 2 para os EUA.

Veja também  Jejum de gols permanece, e desafio do Botafogo-PB aumenta na Série C

A reação brasileira veio no segundo tempo, com Leomon empatando e virando na sequência. Mas era jogão e cheio de emoções, tanto que os EUA empatou em 4 a 4. Leonon estava inspirado e marcou seu terceiro gol, colocando o Brasil mais uma vez à frente no placar, em 5 a 4, mas foi a última vez. A reação americana veio com tudo: foram quatro gols marcados em sequência, abrindo três de vantagem. José Márcio até descontou, marcando o último gol brasileiro, mas não havia mais tempo para uma maior reação, terminando 8 a 6 para os atuais vice-campeões paralímpicos.

Mesmo com a derrota, o Brasil está na 2ª colocação do Grupo A, com três pontos, precisando apenas de uma vitória contra a Argélia, na próxima rodada, para garantir sua classificação para a próxima fase. O próximo confronto acontece na próxima sexta-feira, às 8h30 (horário de Brasília).