Empresário Walter Brito morre aos 87 anos em Campina Grande

Ele era proprietário da empresa de ônibus Real.

Morreu na manhã desta quarta-feira (20), aos 87 anos, em Campina Grande, o empresário Walter Brito, proprietário da empresa de ônibus Expresso Real. Segundo familiares, ele vinha enfrentando complicações de saúde há quatro meses, sendo internado várias vezes, e devido à idade acabou não resistindo.

O empresário tinha oito filhos, sendo quatro homens e quatro mulheres, entre eles o ex-deputado estadual Walter Brito Filho. Ele também era avô do ex-deputado federal Walter Brito Neto. Apesar de ter os familiares na política, Walter Brito nunca disputou cargos eletivos.

O velório acontecerá a partir das 14h no Campo Santo Parque da Paz, em Campina Grande, e o sepultamento está previsto para acontecer por volta das 13h de quinta-feira no mesmo local.

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), divulgou uma nota lamentando a morte de Walter Brito. Para o gestor, Campina Grande perdeu um de seus desbravadores do desenvolvimento. “Arrojado nos negócios, consciente de seus deveres de cidadão e cordato como pessoa. A Paraíba deve muito a ele e sua ausência deixa uma grande lacuna”, afirmou

 

Walter Correia Brito era natural de Itabaiana, onde nasceu em primeiro de maio de 1930. Chegou em Campina com os pais – Arthur Correia de Brito e Maria Augusta de Lucena Brito – com apenas um ano de idade. Passou toda infância e adolescência em Campina Grande.

Walter Brito fundou a Expresso Real em 1951. A empresa permanece atuando no seguimento até hoje. A linha que liga as cidades de João Pessoa e Campina Grande é a principal operada por ela .