Caderno Animal

Fabi Cavalcanti
Miguel Cavalcanti

Focinho de porco não é tomada, é tubarão!

O corpo é de tubarão, a face é de porco.Essa espécie de tubarão, que habita as águas do Oceano Atlântico, do norte da Europa à África do Sul, pertence à família Oxynotidae, que tem como característica duas barbatanas dorsais e se alimenta de vermes marinhos e crustáceos.

De visual curioso, o tubarão-áspero-angular  (nome que recebe em português) é conhecido em alguns portos como ‘tubarão-porco’, pelo som emitido quando sai da água, que lembra um grunhido.

Um exemplar dessa espécie foi encontrado no início de setembro em Elba, uma ilha italiana no Mar Mediterrâneo, próximo à Toscana.
De acordo com oficiais da marinha que o encontraram, ele já estava morto e flutuando quando foi levado ao píer.

Tubarões são bem comuns naquela região; seus corpos relativamente grandes e suas barbatanas espinhosas os colocam em vulnerabilidade nas operações de pesca.

Esta espécie foi considerada vulnerável de extinção em 2007, pois sua população está em declínio há décadas.