Wesley Safadão terá que pagar 40 salários mínimos de pensão alimentícia para filho

Forrozeiro, que pagava 10 salários, vai também arcar com os custos do plano de saúde e do Imposto de Renda.

Mileide Mihaile  ganha queda de braço na Justiça contra o cantor Wesley Safadão para aumentar pensão alimentícia do filho

Se antes o cantor Wesley Safadão pagava mensalmente o equivalente a 10 salários mínimos (R$ 9.540,00) de pensão alimentícia do seu filho Yhudy, fruto de seu relacionamento com a digital infuencer Mileide Mihaile, agora vai desembolsar quatro vezes mais.

Nesta sexta-feira (27), durante a audiência de pensão de alimentos na 12ª Vara de Família do Fórum Clóvis Beviláqua, em Fortaleza (CE), ficou decidido Safadão vai pagar a partir agora 40 salários mínimos, ou seja, R$ 38.160,00

Veja também  Série documental sobre a Chacina de Pioz está em produção na Espanha

Os benefícios de Yhudi ainda incluem uma viagem internacional em classe executiva por ano, incluindo despesas com babá e mais 10 salários mínimos. Além disso, o forrozeiro também arca com os custos do plano de saúde e do imposto de renda.

A Justiça determinou também que Thyane Dantas, atual esposa de Safadão não pode mais buscar o enteado na escola. O cantor ainda não se manifestou sobre o assunto.