Curta de estreia de Luiz Carlos Vasconcelos ganha cinco prêmios em festival internacional de cinema

Filme “Aluísio, o silêncio e mar” foi o melhor filme do 15º Curta Taquary.

O curta-metragem paraibano “Aluísio, o silêncio e o mar” recebeu cinco prêmios, incluindo o de melhor filme, no Festival Internacional de Curtas-metragens de Taquaritinga do Norte (15º Curta Taquary), em Pernambuco. Essa foi a estreia do ator Luiz Carlos Vasconcelos como diretor, que também recebeu um prêmio por melhor direção.

O curta foi gravado em Lucena, no Litoral Norte paraibano, e estreou no 15º Fest Aruanda do Cinema Brasileiro, em João Pessoa, em dezembro do ano passado. A dimensão do humano é explorada no filme por meio da relação entre as personagens, a natureza, o silêncio e a solidão.

Veja também  Programação de julho do Cine Banguê tem estreias de seis filmes, debate e Festival Varilux

Aluísio, personagem principal do filme e que dá nome ao curta, é interpretado por João Paulo Soares, também paraibano que recebeu o prêmio de melhor ator. O curta também recebeu os prêmios de melhor figurino (Anna Diniz) e melhor direção de fotografia (Vitor Bossa).

O projeto foi custeado por meio da Lei Aldir Blanc do Estado da Paraíba, e foi idealizado por

João Monteiro, com produção da Rendeira Filmes e La Touche de Maître.