Entre dragões, heróis e toalhas, 25 de maio é considerado ‘O Dia Internacional do Orgulho Nerd’

Data faz alusão a morte de Douglas Adams, escritor do livro ‘O Guia do Mochileiro das Galáxias’, que é considerado por muitos fãs pelo mundo como “a bíblia nerd”.

Samuel Rufino segurando uma toalha em alusão ao Dia do Orgulho Nerd. Foto: Arquivo Pessoal/Samuel Rufino

Imagine se existisse um dia para celebrar os aficionados por histórias de alienígenas, dragões e super-heróis e, que nesse mesmo dia, essas pessoas utilizassem toalhas penduradas no ombro e na bolsa para saírem na rua? Pois bem, esse dia existe, e é o dia 25 de maio, o Dia Internacional do Orgulho Nerd

Por mais que hoje exista um dia para celebrar os nerds, nem sempre ser nerd foi algo bem visto, levando em consideração que antes a expressão era usada para inferiorizar pessoas muito estudiosas e que exerciam atividades intelectuais. 

O professor de inglês Andrey Juann, explicou que uma das origens possíveis da palavra nerd é a escrita da palavra drunk (bêbado) de trás pra frente, ou seja, knurd, que significa alguém “careta” que não bebe e, foneticamente, soa como ‘nerd’. Os nerds eram inferiorizados e marginalizados nas escolas pelos valentões, termo que também, segundo o professor, deu origem à expressão em inglês bullying.

Palavra drunk (bêbado) de trás para frente. Foto: Jornal da Paraíba

A popularidade que algumas obras do ‘universo nerd’ foi tomando fez com que o público em geral começasse a conhecer mais sobre os livros, filmes e jogos que os nerds consumiam. Com isso, o mainstream percebeu que a procura por esses produtos foi aumentando e começou a fazer grandes quantidades de materiais inspirados na cultura nerd. 

A “Bíblia” Nerd

Coleção dos livros do Guia do Mochileiro das Galáxias Foto: Arquivo Pessoal/Samuel Rufino

O dia 25 de maio é considerado o Dia do Orgulho Nerd, em homenagem a Douglas Adams, escritor do livro ‘O Guia do Mochileiro das Galáxias’, que é considerado por muitos fãs pelo mundo como “a bíblia nerd”. O autor morreu no dia 11 de maio de 2021 e, no livro, Douglas fala sobre a importância da toalha e o quanto o objeto pode ser útil em situações adversas. 

Após a morte de Douglas, os fã do mochileiro decidiram, em fóruns na internet, escolher uma data no mês de maio para homenageá-lo. A data escolhida por eles foi o dia 25 de maio, pois foi nesse data, em 1977, que foi lançamento o primeiro filme de ‘Star Wars’. A escolha dos fãs do mochileiro dividiu opiniões. Muitas pessoas perguntam até hoje: foi o mochileiro ou a saga Star Wars que iniciou o Dia do Orgulho Nerd?

Porém, é claro que uma grande saga como ‘Star Wars’ não passaria desapercebido sem nenhuma data só para si. O dia 4 de maio é considerado como o Dia de Star Wars graças à semelhança fonética em inglês que a frase “May the Force be with you” (Que a força esteja com você!”) te com “May the 4th (fourth) be with you”. E, como a saga já tinha uma data só pra ela, muitos defendem que o dia 25 de maio é considerado o Dia do Orgulho Nerd por causa do Guia do Mochileiro das Galáxias – apesar de fãs do Star Wars afirmarem que não.

Veja também  Caminhos do Frio 2022 começa nesta segunda (4), em Areia

Ainda em fóruns na internet, fãs do mochileiro decidiram andar com toalhas penduradas no ombro, ou na bolsa, no dia 25 e maior, como uma forma de homenagear Douglas e o livro. 

O analista de sistema Samuel Rufino acompanha o dia da toalha há 11 anos, pois ele conta que o livro ‘O Guia do Mochileiro da Galáxias’ é um local de diversidade e que possui críticas sociais importantes. Para além do contraponto com a realidade, Samuel é fã do livro por causa das experiências novas que pode conhecer por meio do universo lúdico da obra. 

As críticas sociais, a escrita fluida, o envolvimento com os personagens e a coincidência com a vida, me fizeram ser fã do livro”, disse. 

Declaradamente nerd, Samuel ainda ressaltou a importância de ter um dia que relembra o impacto positivo da cultura nerd.

Acredito que toda a comunidade Nerd deveria comemorar a diversidade e aceitação das diferenças, colocando em prática na sociedade. Pois através das críticas nas obras que consumimos, conseguimos força para nos mostrar”, afirmou. 

A toalha como você nunca viu

No capítulo três do livro ‘O Guia do Mochileiro da Galáxias’, Douglas faz uma lista de como a toalha pode ser importante em momentos diferente da vida:

  •  Você pode usar a toalha como agasalho quando atravessar as frias luas de Beta de Jagla;
  •  Pode deitar-se sobre ela nas reluzentes praias de areia marmórea de Santragino V, respirando os inebriantes vapores marítimos;
  •  Você pode dormir debaixo dela sob as estrelas que brilham avermelhadas no mundo desértico de Kakrafoon;
  •  Pode usá-la como vela para descer numa minijangada as águas lentas e pesadas do rio Moth;
  •  Pode umedecê-la e utilizá-la para lutar em um combate corpo a corpo;
  •  Enrolá-la em torno da cabeça para proteger-se de emanações tóxicas ou para evitar o olhar da Terrível Besta Voraz de Traal;
  •  Você pode agitar a toalha em situações de emergência para pedir socorro;
  • Naturalmente pode usá-la para enxugar-se com ela se ainda estiver razoavelmente limpa.

Nerd ou Geek?

Por mais que os universos nerd e geek possam andar juntos em alguns momentos, existem diferenças bem específicas para cada grupo. Embora que, para o senso comum, os termos possam ser usados para definir pessoas que são ligadas à cultura dos HQ’s, ou filmes de heróis, as expressões estão longe de serem sinônimas. 

Nerd são consideradas aquelas pessoas que possuem gosto aprofundado em assuntos específicos, como por exemplo: galáxias, filmes antigos ou matemática. Por outro lado, os geeks são pessoas mais ligadas a tecnologias e atualidades, como por exemplo: jogos eletrônicos, músicas e séries.