Camila Esposte
Láuriston Pinheiro

O sucesso da magrela

De acordo com a Aliança Bike, as vendas de bicicletas cresceram 93% na comparação entre os meses de agosto de 2019 e 2020.

Foto: Coen van de Broek/ Unsplash

 

A venda de bicicletas sofreu um boom com a pandemia da covid-19. Isso porque a bicicleta foi apontada com alternativa segura de mobilidade para evitar aglomerações pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

De acordo com a Aliança Bike, que reúne lojistas e empresas voltados ao transporte sustentável, as vendas das associadas cresceram 93% na comparação entre os meses de agosto de 2019 e 2020.

Veja também  Bob’s inaugura primeira loja com novo conceito da marca no Nordeste

Dados da Abraciclo, que representa os fabricantes de veículos de duas rodas, apontam um crescimento de 39,6% na montagem de bicicletas no mês de setembro em comparação com agosto, o que representa 89,2 mil unidades.

As bicicletas elétricas também tiveram um crescimento nas vendas: 53% entre agosto de 2019 e agosto de 2020, segundo a Aliança Bike.