Veja dicas para estudar fora do país nas férias de julho

Agências têm opções nos EUA, Canadá, África do Sul, Europa e Oceania. Confira sugestões de cursos a partir de R$ 2.200.

Do G1

Quem pensa em fazer um curso de línguas fora do país nas férias de julho deve começar a planejar a viagem agora. Há cursos nos Estados Unidos, Canadá, África do Sul, Europa e Oceania. Algumas das opções incluem aulas extras de esqui, surf, snowboard e até degustação de vinhos.

A recomendação é pesquisar bastante, verificar as instituições que oferecem o curso, decidir a cidade em que vai estudar e consultar as regras do consulado do país de destino. Também é importante procurar o tipo de moradia que melhor se adapta ao seu estilo. As opções são casa de família, albergue, residência estudantil e até hotel. O preço da viagem varia de acordo com o país selecionado, com o tempo de duração e com o tipo de curso.

Veja também  Aluno de escola pública de Campina Grande é medalhista de ouro em Olimpíada Nacional de Ciências

A primeira providência a tomar é tirar passaporte e visto. A maioria dos pacotes não inclui passagem aérea, por isso é importante fazer uma pesquisa com várias agências e companhias para achar o melhor preço com a maior antecedência possível. Estudantes podem conseguir descontos. É necessário ainda ter assistência médica internacional.

Para chegar à cidade do curso com mais tranquilidade, vale ler tudo o que puder sobre os hábitos do local escolhido, levar uma lista de locais onde seu banco ou administradora de cartão de crédito tem parceiros e ter uma cópia de sua passagem aérea e passaporte para o caso de extravio.

Veja opções de cursos de línguas em outros países