Lá Vem o Enem: aluno que tirou nota mil na redação da plataforma recomenda ler e praticar

Matheus Justino dos Santos está estudando para tentar uma vaga no curso de administração.

A plataforma de correção de redações do Lá Vem o Enem registrou mais uma nota mil. Desta vez, o estudante que tirou nota máxima foi Matheus Justino dos Santos, de Sorocaba, São Paulo. Ele está estudando para tentar uma vaga no curso de administração e conheceu o Lá Vem o Enem por meio da internet.

 

Para fazer um bom texto, Matheus Justino recomenda primeiramente ler bastante, seja redações de edições anteriores, livros de diferentes gêneros e notícias. A segunda dica que o estudante deu foi praticar, escrevendo redações de acordo com temas variados. Por último, ele ressalta a importância de ter a correção de de professores, como na plataforma de correções do Lá Vem o Enem.

 

“Procurem opiniões! Como na plataforma Lá Vem o Enem, que você tem oportunidade de forma gratuita de expor sua redação e ser avaliado sob os critérios do Enem”.

 

Veja também  Prouni vai aceitar alunos de escolas particulares sem bolsa de estudos

Na plataforma de correções, o estudante faz o cadastro e envia uma redação de acordo com o tema proposto. Depois, uma equipe de professores especializados avalia os textos, seguindo os critérios utilizados nas progras do Enem.

 

Além da plataforma de correção de redações, o projeto tem um quadro no Bom dia Paraíba, nas segundas-feiras e aulões ao vivo nos sábados. Traz ainda videoaulas e simulados, no g1 Paraíba, e um podcast para discutir atualidades que podem cair nas provas, na CBN João Pessoa.