Um dia para recordes

Brasil faz 16 a 0 no Panamá e iguala a maior goleada da história dos Mundiais de Futsal; Falcão vira maior artilheiro do futebol.

O Brasil não teve problemas para passar às quartas de final da Copa do Mundo de Futsal. Em sua atuação mais convincente na competição, a seleção brasileira arrasou o Panamá por 16 a 0, ontem, em Korat, gols de Ari (3), Jé (3), Fernandinho (2), Rodrigo (2), Rafael Rato (2), Simi, Neto, Vinicius e Falcão, que retornou à equipe após a lesão sofrida na panturrilha, na primeira rodada.

Com a vitória, os comandados de Marcos Sorato encaram a Argentina amanhã, às 6h (da Paraíba), em Bangcoc. Os hermanos eliminaram a Sérvia com uma vitória por 2 a 1.

O gol não foi a única contribuição de Falcão. O craque provocou duas expulsões com jogadas de efeito. Em uma delas, deu dois balões no adversário e levou a bola com embaixadinhas na cabeça, ao estilo “foquinha”. Só parou quando foi empurrado ao chão. Na jogada seguinte, passou o pé por cima da bola, gingou e foi parado com um soco.

Veja também  Treze e São Paulo Crystal fazem jogo duro, mas não saem do zero no Estádio Amigão

Se durante o jogo houve violência, no fim os rivais tietaram o astro brasileiro, com seguidos pedidos de foto. Principalmente pelo fato de o camisa 12 ter atingido uma marca e tanto na carreira. Com o gol sobre o Panamá, Falcão isolou-se como o maior artilheiro de seleções de esportes ligados ao futebol, com 337 gols com a camisa canarinho. O craque perseguia a marca desde maio deste ano. Falcão estava empatado com outro brasileiro, Neném, do futebol de areia.

Sobre o seu retorno às quadras, Falcão ressaltou que o mais importante era ganhar ritmo de jogo. O camisa 12 frisou ainda que, a partir desta quarta-feira, as partidas serão bem mais difíceis, o que aumentará a responsabilidade da seleção.

“Estou feliz demais por ter tido a oportunidade de voltar a jogar. A gente sabia que o teste tinha que ter sido hoje, porque não dá para testar numas quartas de final ou numa semi. O campeonato começa agora para a gente”, avisou.