Entre Linhas

Paraibana Andressa Morais não se classifica no lançamento de disco e está fora das Olimpíadas de Tóquio

A paraibana Andressa de Morais  não se classificou na modalidade de lançamento de disco dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Ela representou o país no Estádio Nacional do Japão, nesta sexta-feira (30) e atingiu 58,90m de distância, mas queimou os dois primeiros lançamentos.

A atleta, que possui grandes marcas individuais, ficou 2.62 metros atrás da 12ª colocada, também brasileira Izabela da Silva, que foi a última a avançar para a final no arremesso de disco.

O Brasil segue para a final no lançamento de disco feminino na próxima segunda-feira (2), às 8h, com a atleta Izabela da Silva. Ela fez 61,52m.

Histórico de Andressa

Treinando de maneira precária em João Pessoa, sua cidade natal, a atleta teve o seu talento descoberto em 2006, pela Rede Atletismo de Bragança, em uma competição Norte-Nordeste realizada em Natal, capital do Rio Grande do Norte. Hoje, com 30 anos, disputou uma medalha nas Olimpíadas.

A trajetória vitoriosa começou nos primeiros anos da última década, quando, em 2011, venceu o Campeonato Sul-Americano de Atletismo e, em 2012, o Ibero-Americano de Atletismo, batendo, inclusive, o recorde sul-americano do lançamento de disco, com a marca de 64,21m. Aos 21 anos, disputou os Jogos Olímpicos de Londres 2012, terminando a fase de qualificação no 16º lugar.