Menino de 12 anos é detido pela 10ª vez suspeito de furtar carro

Ele e colega de 17 anos, que conduzia o veículo, bateram em carro da PM. Acidente ocorreu nesta sexta-feira (2) à noite; garotos foram liberados.

Do G1

Um menino de 12 anos que já é conhecido no meio policial por suas passagens em delegacias, foi detido pela décima vez por suspeita de furtar um carro na Zona Sul de São Paulo. Ele e um colega de 17 anos estariam no veículo furtado que colidiu com uma viatura da Polícia Militar, nesta sexta-feira (2) à noite.

De acordo com a Polícia Civil, o garoto, que tem uma ficha criminal maior que seu 1,60 m de altura, disse em depoimento que não sabia que o carro era furtado. Ainda, segundo a versão dada por ele no 102º Distrito Policial, no bairro Socorro, seu colega de 17 anos, que conduzia o carro, lhe ofereceu carona para passear.

“O adolescente de 17 anos disse que furtou o automóvel com o intuito de passear. Depois, chamou o de 12 anos junto”, disse o delegado Eduardo Bernardo Pereira, do 102º DP. Segundo a autoridade policial, o jovem de 17 já teve uma passagem anterior por outro delito.

Já a criança de 12 anos aparecia em outras nove ocorrências registradas em delegacias da capital paulista _ a maior parte por roubo e receptação de veículos. A última passagem ocorreu no dia 15 de dezembro de 2008.

O delegado afirmou que, por se tratar de um crime praticado por menores de idade, sem violência e grave ameaça, os dois garotos foram liberados para seus respectivos pais. Os responsáveis se comprometeram a encaminhá-los para a Vara da Infância e Juventude. Mesmo assim, a polícia registrou um ato infracional contra os garotos pelo qual eles vão responder.

“O menino de 12 anos não tem jeito, mas a gente tem que seguir a lei. Cabe a Justiça decidir se ele irá para a Fundação Casa (extinta Febem)”, disse Bernardo Pereira. Na fundação, são aplicadas medidas sócioeducativas.

Veja também  João Pessoa tem quase 40% de testes positivos para Covid-19 em postos itinerantes