Mais cinco corpos são encontrados

O representante das equipes de resgate afirma que os restos mortais das vítimas estavam na parte submersa da embarcação.

Mais cinco corpos foram encontrados ontem perto do navio Costa Concordia, que naufragou no mar Tirreno, próximo à ilha italiana de Giglio, em 13 de janeiro deste ano, de acordo com o chefe da Guarda Costeira italiana, Franco Gabrielli.

O representante das equipes de resgate afirma que os restos mortais das vítimas estavam na parte submersa da embarcação.

Segundo a última contagem, seriam 30 as mortes decorrentes do naufrágio. Outros dois passageiros do navio continuam desaparecidos.

Veja também  BR-230 passa a ter desvio no sentido João Pessoa – Cabedelo, a partir desta terça (26)

No dia 13 de janeiro, o Costa Concordia, que transportava 4.229 pessoas, sendo 3.200 turistas de 60 nacionalidades e mil tripulantes, chocou-se com uma rocha perto da ilha de Giglio, no arquipélago protegido da Toscana.

Vários grupos de náufragos foram criados e as queixas foram apresentadas na Itália, França e Estados Unidos contra a Costa Cruzeiros, empresa proprietária do Concordia.