Em uma semana, mais de 30 lojas de JP são notificadas por descumprirem regras contra Covid-19

Procon fiscalizou os estabelecimentos e também notificou 57 agências bancárias na capital.

Foto: Divulgação/Procon-JP
Foto: Divulgação/PMJP

Do início do ano até esta sexta-feira (19), 57 agências bancárias foram notificadas pelo Procon de João Pessoa por descumprirem os decretos municipal e estadual que estabelecem medidas de enfrentamento à Covid-19. Já nesta semana, 32 lojas localizadas no Centro da capital foram notificadas para adequação às normas sanitárias.

Irregularidades como desrespeito ao limite de tempo de espera para atendimento nas filas dos bancos e aglomerações foram constatadas, nas agências bancárias, durante a “Operação Banco Saudável”, que visitou agências no Bessa, Manaíra, Tambaú, Tambauzinho, Torre, Cruz das Armas, Geisel, Cristo, Bancários, Mangabeira, Centro, Varadouro e no campus da UFPB.

Veja também  Campina Grande segue com campanha de vacinação contra Covid-19 nesta quinta-feira (28)

A fiscalização deve ser retomada no final deste mês e no início do mês de abril, para monitorar o fluxo de pessoas no período, comum aos pagamentos de salários e aposentadorias.

Já nos estabelecimentos fiscalizados esta semana, a principal irregularidade encontrada foi a ausência do termômetro de temperatura corporal. Os responsáveis foram orientados a fazer adequações em até 24 horas.

Caso haja reincidência, eles serão punidos com multas entre R$ 10 mil e R$ 15 mil. Os locais também podem ficar interditados temporariamente. O prazo para defesa é de 10 dias a partir da data do recebimento do auto de infração.