Procon autua posto de combustível suspeito de vender produtos fora da validade

Operação do Procon-PB fiscalizou 13 postos de combustíveis e quatro apresentaram irregularidades.

Foto: Reinaldo Canato/Agência Brasil
(Foto: Reinaldo Canato/Agência Brasil)
Foto: Reinaldo Canato/Agência Brasil

Um total de 13 postos de combustiveís foram fiscalizados em Bayeux, na Grande João Pessoa, em operação do Procon-PB. Quatro foram notificados ou autuados por irregularidades, sendo um deles autuado por vender produtos fora da validade.

Um posto no bairro da Imaculada foi notificado após os órgãos identificarem erro de medição superior ao erro máximo admissível. Outro, no bairro de Manguinhos, foi autuado por ter comercializado produtos fora do prazo de validade.

Veja também  Criança ferida pela mãe com caneta no pescoço recebe alta do hospital, em João Pessoa

Outros dois postos nos bairros do Centro e Alto da Boa Vista foram notificados pela exigência de valor mínimo nas compras no cartão.

A operação ‘Tanque Cheio’, de acordo com o Procon-PB, surgiu após denúncias dos consumidores de Bayeux. O objetivo da fiscalização do órgão foi de coibir supostas condutas ilícitas dos postos de combustíveis, como aumento abusivo de preço e repasse incorreto de combustível.

A operação foi feita pelo Procon-PB, Procon Bayeux, Instituto de Metrologia e Qualidade Industrial da Paraíba (Imeq-PB) com apoio da Guarda Municipal nesta segunda-feira (19).