Youtuber acumula mais de 19 milhões de visualizações com vídeos sobre João Pessoa

Jovem explora a gastronomia, pontos turísticos e também faz um trabalho documental de registrar como é viver na cidade nos dias de hoje.

Youtuber pessoensse acumula mais de 200 mil escritos em canal que mostra cultura e gastronomia de João Pessoa. (Foto: Felipe Herra/Arquivo).

 

Youtuber pessoense acumula mais de 200 mil escritos em canal que mostra cultura e gastronomia de João Pessoa. (Foto: Felipe Herra/Arquivo).

Com o sonho de fazer jornalismo, Felipe Herrera criou um canal de youtube em 21 de março de 2015. Antes cursava geografia e falava de temas aleatórios. No mesmo ano, passou para o curso de jornalismo e com os conhecimentos foi adquirindo, o conteúdo passou a ter um tom mais documental. Hoje com 242 mil inscritos e mais de 19 milhões de visualizações, Felipe narra suas aventuras por João Pessoa, mostrando os pontos turísticos, gastronomia e também a comunidade onde vive.

Com 25 anos, Felipe é pessoense de nascimento e mora do bairro do Cristo desde pequeno. O que ele mais gosta de fazer na cidade é registrá-la em vídeo. Começou como um hobby e hoje é seu trabalho. 

“Ao longo do tempo fui estudando o melhor formato, linguagem e temas que o público gosta de ver. Especialmente sobre João Pessoa me fez conhecer muita gente e abriu inúmeras portas para mim. Sinto que consigo levar minha cidade de um jeito diferente para quem está fora”, explica.

Seu vídeo mais visto, com 2.182.684 visualizações, se chama ‘Provando comida de rua em João Pessoa’. Ele passa pela Tapioca do Regis, perto do ponto de ônibus da Lagoa; pelo carrinho de Dona Ana, que vende canjica e pamonha no Centro; toma sopa de mocotó e compra bolo de abacaxi na banca Bolo da Paz de Seu Adelmar, no Ponto de Cem Réis.

Um formato de muito sucesso no canal de Felipe é quando ele tem um orçamento específico. O vídeo ‘Sobrevivendo com 7 reais por dia | Como é viver na extrema pobreza?” é seu o segundo mais famoso, com 2.170.207 visualizações.

Neste tipo de conteúdo, o jornalista se permite conhecer principalmente a gastronomia de forma barata e acessível. É também como o criador conseguiu uma forma de conscientizar sua plataforma a respeito de desigualdades sociais, estimulando também a educação financeira e o consumo no comércio local. “O que COMER com 10 REAIS no CENTRO de JOÃO PESSOA” também fez bastante sucesso, acumulando mais de 20 mil curtidas.

 

Youtuber pessoense mostra pontos turísticos da cidade em video de sucesso na plataforma. (Foto: Felipe Herra/Arquivo)

Em outro vídeo popular, com mais de 191 mil visualizações, ele visita cinco lugares da cidade que todo mundo precisa conhecer. Passeando por João Pessoa, ele narra uma visita no Centro Histórico, o lugar onde tudo começou, às margens do Rio Sanhauá. No bairro, ele vai até a Igreja de São Frei Pedro Gonçalves, curte a vista do Hotel Globo e conversa com turistas na Praça Antenor Navarro. 

Logo depois, parte para o Parque Solon de Lucena, a Lagoa, no Centro, e no coração do comércio e movimento da cidade. Passa pelo Farol do Cabo Branco para mostrar a região do ponto mais oriental das Américas. Chega até o Busto de Tamandaré, um dos pontos mais conhecidos de João Pessoa, que divide duas das praias mais famosas da cidade: a de Tambaú e a do Cabo Branco. O passeio termina no Mercado de Artesanato Paraibano, onde ele mostra um pouco da arte do estado.

Mesmo mostrando os pontos mais conhecidos, Felipe também explora outros lugares como seu próprio bairro, no vídeo “Assim é uma comunidade em João Pessoa”. Em outra produção, mostra a comunidade Vila Nassau, localizada no bairro do Varadouro, no “Vila Nassau: As lembranças de uma COMUNIDADE que luta para não DESAPARECER” e leva a audiência a trilha das Ravinas, na região metropolitana da cidade, em uma série de vídeos.

Veja também  Vacinas para adultos aplicadas em crianças na UBS de Lucena estavam vencidas, diz secretário de Saúde

Para Felipe, uma das particularidades que mais gosta na cidade é o charme do bairro de Jaguaribe. Ele relata ser apegado às coisas históricas e as casinhas antigas, com muro baixo, chamam sua atenção. Apesar disso, é muito apegado aos pontos mais populares de João Pessoa.

“O Centro Histórico e a Lagoa são meus pontos turísticos preferidos. Por ser o lugar onde a cidade nasceu e começou a se expandir sinto um clima diferente da orla, lugar que também amo. A orla marítima é o terceiro lugar que mais gosto da cidade. Hoje a orla é o lugar que mais atrai gente, gosto da badalação de lá, mas curto mais a tranquilidade que o Centro me passa”, disse.

Desde o começo seus vídeos são bem aceitos, mas foi apenas depois de anos que o canal começou a gerar retorno, tanto financeiro quanto de realização profissional.

“Ao longo do tempo fui estudando o melhor formato, linguagem e temas que o público gosta de ver. Especialmente os sobre João Pessoa me fez conhecer muita gente e abriu inúmeras portas para mim. Sinto que consigo levar minha cidade de um jeito diferente para quem está fora”, explicou. 

Um dos exemplos que gosta de contar é de sua conhecida Penha, que foi moradora do Rangel e hoje mora na Holanda. Quando ela veio ao Brasil, em 2019, cerca de 20 anos depois de sair do país, ela fez questão de marcar um encontro com Felipe, cujo conteúdo ela acompanha fielmente para ver como está a cidade nos dias de hoje.

Para o criador, gratidão é a palavra: “Esse foi apenas um exemplo dos inúmeros encontros que já tive por conta do meu trabalho no canal. (…) Meu trabalho é mais social que qualquer outra coisa. É muito gratificante poder pertencer e fazer que outras pessoas tenham esse mesmo sentimento quando assistem aos vídeos”.

Com sonho de ser jornalista, jovem pessoense começou um canal no Youtube e hoje tem mais de 19 milhões de visualizações em vídeos sobre a cidade. (Foto: Felipe Herra/Arquivo)

*Sob supervisão de Krys Carneiro