Espaço Cultural retoma atividades presenciais e cobrará cartão de vacinação dos usuários

A ocupação dos setores será equivalente a um percentual entre 20% a 30% da capacidade. O Cine Banguê e o Museu José Lins do Rêgo estão entre os equipamentos que serão reabertos.

Foto: Rafael Passos/Secom-JP
Foto: Rafael Passos/Secom-JP

A partir desta segunda-feira (4), alguns setores da Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc) estarão disponíveis para uso presencial. Para isso, os interessados precisam realizar agendamento através de uma página na internet do Governo da Paraíba. A ocupação destes setores será equivalente a um percentual entre 20% a 30% da capacidade.

Para ter acesso aos serviços, após o agendamento, o usuário precisa apresentar o comprovante de vacinação (físico ou digital). Caso o usuário só tenha recebido a primeira dose, o acesso aos serviços somente é permitido 14 dias após a imunização. Cada CPF poderá fazer um agendamento para cada um dos equipamentos.

Nesta primeira etapa, serão reabertos: Cine Banguê, Biblioteca Juarez da Gama Batista, Gibiteca Henfil, Museu José Lins do Rêgo e Acervo Histórico Waldemar Duarte. A galeria Archidy Picado será reaberta a partir de novembro.

Veja também  Cerca de 35 mil passageiros devem embarcar neste São João na Rodoviária de João Pessoa

Todos os protocolos de segurança contra a contaminação pelo coronavírus permanecem respeitados. Assim, haverá controle da temperatura e obrigatoriedade do uso de máscaras e álcool em gel.

Horários de funcionamento

A Gibiteca Henfil, Museu José Lins do Rêgo e o Acervo Histórico Waldemar Duarte estarão reabertos das 8h às 12h e das 14h às 17h. O Cine Banguê retoma as sessões presenciais na sexta-feira (8) com filmes voltados ao público infantil, em sessões às 14h e 16h, de sexta a domingo.

A Biblioteca Juarez da Gama Batista estará aberta ao público a partir do dia 15 de outubro. Os usuários poderão agendar a utilização do espaço para consulta e estudo nos turnos da manhã e tarde, sendo que o limite de permanência é de quatro horas. Também estarão liberados os empréstimos e devoluções de livros.