Fiscalização interdita parcialmente supermercado no Miramar

Ação do Procon-JP teria flagrado insetos próximos a alimentos.

Uma fiscalização sanitária interditou parcialmente um supermercado na avenida Epitácio Pessoa na manhã desta terça-feira (11). Durante a ação da Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP), teriam sido encontrados, no setor de Empório, insetos próximos a alimentos como carnes, peixes e enlatados.

Além disso, conforme o Procon-JP, alimentos com prazo de validade vencido também foram flagrados. O órgão ressaltou que o supermercado foi autuado e poderá pagar multa que varia entre R$ 300 e R$ 3 milhões.

“Apenas o laudo da Agevisa (Agência Estadual de Vigilância Sanitária) poderá dizer o grau de risco da contaminação. Mas bastava uma barata para dizer que a prateleira inteira estava contaminada”, disse o secretário do Procon-JP, Marcos Santos.

Em nota, a assessoria de comunicação do Pão de Açúcar informou que os produtos do setor foram descartados e que o local passou por uma dedetização recente. Apesar disso, ainda de acordo com a nota, a empresa responsável pelo serviço foi chamada novamente para uma nova aplicação do produto e o caso será apurado.

Na nota, a empresa reiterou o compromisso em atender às normas sanitárias e o esforço em impedir que pragas urbanas migrem de rios e terrenos para o local onde a loja está instalada.