Presidente da Câmara de Matureia é preso com veículo adulterado

Vereador disse na delegacia que não tinha conhecimento da situação irregular.

O presidente da Câmara de Vereadores do município de Maturéia, Paulo Orlando de Souza (PSB), foi preso na manhã desta segunda-feira (16) suspeito por receptação de veículos. Ele foi detido após uma equipe da Polícia Militar localizar um caminhão Volkswagen, modelo 23-190, de cor branca, com o chassi adulterado em posse do parlamentar. Essa é a segunda vez que o vereador é detido pela Polícia pelo mesmo motivo.
 
De acordo com informações do Delegado da Polícia Civil, Adjuto Dias Neto, a prisão do  presidente aconteceu após uma denúncia anônima. “O caminhão foi localizado pela polícia após uma denúncia anônima e no momento da conferência dos dados, descobriu-se que o chassi do veículo estava adulterado. A numeração do motor também não conferiu com as informações legais da documentação.  Paulo Orlando foi enquadrado pelo crime de receptação de veículos. Em apenas um mês, esse é o segundo caso contra o parlamentar. Na primeira ocorrência dois veículo foram encontrados em situações semelhantes”, disse.  
 
Após ser detido, o vereador foi encaminhado para a delegacia, onde prestou depoimento, pagou fiança de R$8 mil e foi liberado. Ele disse que não sabia que o veículo estava irregular e contou ao delegado que  foi vítima de um golpe. “O procedimento foi feito e encaminhado para investigação da  justiça. Como se tratou de uma segunda ocorrência o valor da fiança foi duplicado. O vereador disse que comprou o veículo sem ter conhecimento da situação irregular”, concluiu o delegado.