Operação contra tráfico de drogas e assassinatos prende 14 suspeitos na Paraíba

Ação conta conta com participação das polícias Civil e Militar. Prisões aconteceram em três cidades.

Pelo menos 14 pessoas foram detidas durante ações policiais em Campina Grande e nas cidades de Belém, Guarabira e Pilar, todas no interior da Paraíba, nesta quinta-feira (14). As prisões fazem parte da Operação PC27, realizada pelas polícias Civil e Militar em combate ao tráfico de drogas, homicídios e outros crimes no estado.

Nas cidades de Belém e Guarabira, na região do Brejo, os policiais prenderam oito pessoas. Todas são suspeitas de integrarem facções criminosas rivais na região, responsáveis pela movimentação do tráfico de drogas e homicídios.

Outras quatro pessoas também foram presas em Pilar, na Zona da Mata paraibana durante a operação. Elas são apontadas pela Polícia Civil como suspeitas pela prática de roubos, tráfico de drogas e homicídios. Ainda não há informações se as prisões realizadas até o momento aconteceram sob força de mandado judicial ou se foram feitas em flagrante.

A Polícia Civil também apreendeu durante a ação na cidade de Pilar, quatro pistolas de uso restrito (9 milímetros), munições, maconha e uma balança de precisão.

Já em Campina Grande, equipes da Polícia Civil prenderam dois suspeitos de homicídios. A dupla também estava com uma quantidade de maconha.

A Operação PC27 acontece de forma coordenada em todos os estados do Brasil. Na Paraíba, também estão acontecendo ações nas cidades de Esperança e Solânea. O balanço da operação deve ser divulgado anda nesta quinta-feira.