Supermercado de Campina Grande é o 1º da PB com caixas de autoatendimento

Segundo direção, novidade tem reduzido as filas nas lojas da rede.

Rede Compras implantou inicialmente caixas para pequenas compras (Foto: Maria Eduarda Lima)

Inovação. Essa foi a receita usada por uma rede supermercados de Campina Grande para driblar a crise e continuar em crescimento. Segunda maior empresa do setor na Paraíba, a Rede Compras foi a primeira a implantar o serviço de caixas de autoatendimento, otimizando as compras. Nesta segunda-feira (12) é comemorado o Dia Nacional do Supermercado.

De acordo com a Associação brasileira de Supermercados, a Rede Compras teve um crescimento de 35% de 2010 até o ano de 2016. No ranking nacional, ela aparece na posição 129 entre as empresas do setor no Brasil.

Mesmo com uma queda no rendimento em 2017, o crescimento que a empresa teve de 2010 a 2016 foi notório e satisfatório para a rede de supermercados. De acordo com o superintendente, Bruno Holanda de Farias, isso aconteceu devido a um plano de expansão e sucessão executado pela administração geral.

“O supermercado é um negócio de família, meu pai é dono da marca ‘Rede Compras’ e eu e meu irmão somos donos da nova marca atacadista, ‘Bom que Só’. Nós buscamos expandir o negócio, buscamos oferecer outros serviços dentro do segmento de supermercados. Seguimos expandindo e trabalhando também na sucessão do trabalho do meu pai para mim e meu irmão. Tem dado certo, os resultados têm sido positivos”, comenta.

Outra causa do crescimento da rede tem sido a inovação, o supermercado foi o primeiro da Paraíba a oferecer o serviço de caixas de supermercado de autoatendimento para pequenas compras e já adquiriu também um equipamento para grandes compras.

O equipamento otimiza o tempo na fila do supermercado. De acordo com Bruno, uma compra que demora em média 20 minutos em um caixa convencional, tem o tempo reduzido para 8 minutos no novo caixa.

Veja também  Pesquisa constata variação entre R$ 206,59 e R$ 292,60 na cesta básica em João Pessoa

“A gente traz toda inovação e tecnologia para agradar o cliente, tudo é pensando no bem estar de quem frequenta a nossa loja. A principal reclamação dos nossos consumidores é o tempo de demora na fila, nos trouxemos os caixas de autoatendimento para tentar resolver essa questão. O cliente tem total autonomia para realizar suas compras e uma otimização do se tempo na espera da fila.” explica, Bruno.

Rede já tem equipamento de autoatendimento para grandes compras (Foto: Maria Eduarda Lima)

Apesar da inovação tecnológica, a rede não pensa em usar a novidade para substituir os funcionários que atuam nos supermercados. “Nós nunca pensamos em substituir as pessoas por máquinas, é tanto que as máquinas precisam de pessoas para ficar na manutenção dos caixas de autoatendimento e a gente acaba até contratando mais pessoas pra dar assistência a esses novos caixas. A nossa pretensão sempre foi só oferecer mais comodidade ao nosso cliente”, ressata o superintendente.

O crescimento da rede significa também crescimento para a economia local, as quatro lojas Rede Compras e as duas lojas da marca atacadista Bom Que Só empregam cerca de 700 funcionários. De acordo com Bruno, o Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) da rede é o quinto maior de Campina Grande.

Dia Nacional do Supermercado

O dia 12 de novembro foi instituído como Dia Nacional do Supermercado em alusão à lei que definiu a atividade supermercadista, publicada nesta data, em 1968. Nesse mesmo, foi fundada a Associação Brasileira de Supermercados (Abras).

*Sob supervisão de Aline Oliveira e Jhonathan Oliveira