Polícias prendem quadrilha que planejava atacar carros-fortes e bancos, no Sertão da Paraíba

Dentre os objetos, estavam uma metralhadora ponto 50, quatro fuzis, uma pistola, além de várias munições e explosivos.

Polícias prendem quadrilha que planejava atacar carros-fortes e bancos, no Sertão da Paraíba. Foto: Divulgação/PMPB

Uma quadrilha formada por criminosos de quatro estados do Nordeste, que planejava atacar carros-fortes e bancos no Sertão da Paraíba, foi desarticulada em uma operação realizada nesta quinta-feira (16), na cidade de Aparecida. Foram presas seis pessoas com todo o arsenal que seria utilizado nos crimes. Dentre os objetos, estavam uma metralhadora ponto 50, quatro fuzis, uma pistola, além de várias munições e explosivos.

Os presos são dos estados do Maranhão, Ceará, Pernambuco e Bahia. Segundo a PM da Paraíba, a operação continuará, com o objetivo de prender outros integrantes da quadrilha.

De acordo com o comandante do Comando de Policiamento Regional II (CPR-II) da Polícia Militar da Paraíba, coronel Francisco Campos, as armas estavam escondidas por baixo da carroceria de um carro.

“A prisão do bando é resultado de um trabalho integrado entre a Polícia Militar da Paraíba, Polícia Federal do Rio Grande do Norte, Polícia Federal da Paraíba e Polícia Civil da Paraíba, que evitou com isso vários crimes contra carros-fortes e instituições financeiras, não só aqui no Estado. Eles estavam divididos em dois carros, com placas de Minas Gerais, e as armas e os explosivos estavam todos empacotados, por baixo da carroceria de um dos veículos”, disse.

Os suspeitos e os objetos apreendidos foram levados para a sede da Polícia Federal, em Patos.