Polícia Civil cumpre 20 mandados para coibir guerra de facções e tráfico de drogas em JP, RN, PR e RO

Os alvos foram presos na capital e em outros três estados nesta quinta-feira.

Foto: Reprodução/TV Cabo Branco
Foto: Reprodução/TV Cabo Branco

Uma operação da Polícia Civil da Paraíba foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (3), em João Pessoa, com o objetivo de cumprir 20 mandados, entre buscas domiciliares e prisões preventivas, contra pessoas envolvidas com o tráfico de drogas. Os mandados de busca e apreensão foram autorizados pelo juízo da 6ª Vara Criminal.

A Operação Ordo acontece em vários bairros de João Pessoa e também com cinco mandados de prisão em presídios paraibanos, sendo três alvos em outros presídios federais. Segundo o delegado Carlos Othon, da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco), foram presos alvos em pelo menos quatro bairros da capital e nas cidades de Mossoró (RN), Catanduvas (PR) e Porto Velho (RO).

Até as 6h50, pelo menos 14 pessoas foram presas. A operação continua em ação nos bairros de João Pessoa, principalmente na comunidade do Timbó e no bairro do Rangel. De acordo com a Polícia Civil, o principal objetivo é combater organizações criminosas, guerra de facções e tráfico de drogas na região.

A investigação teve como ponto de partida a invasão da Comunidade Paulo Afonso, no dia 08 de fevereiro, ocasião em que criminosos, fortemente armados, inclusive de fuzis, efetuaram disparos contra seus rivais.

“O nome da operação (Ordo) vem do latim e significa “Ordem”, como referência ao restabelecimento da ordem pelo estado em face das atividades ilícitas (tráfico de drogas, homicídios etc) desenvolvidas por Organizações Criminosas que atuam em algumas comunidades da Capital”, explicou.