"Negativismo" de líder do Governo expõe gestão que briga na Justiça por mais vacinas em Campina Grande

Vídeo viralizou nas redes sociais. Vereador disse que foi irônico e que declaração foi veiculada fora de contexto

Foto: Ascom

As declarações do vereador e líder do Governo na Câmara de Campina Grande, Alexandre do Sindicato (PSD), viralizaram nas redes sociais e repercutiram muito negativamente. E não poderia ser diferente. Elas são inadequadas, para dizer muito pouco, para o espaço e a função ocupada por ele no parlamento da segunda maior cidade do Estado.
Embora o vereador tenha dito que tudo não passou de uma ironia, em outro contexto, o “negativismo”, ou negacionismo expressado por ele, mesmo que de forma irônica, é descabido à tribuna da Câmara – diante de um cenário de guerra e de milhares de mortes, como o que temos vivido.

Do ponto de vista político, as declarações respingam também na gestão. Alexandre é líder do Governo na ‘Casa’ e tudo, absolutamente tudo dito por ele publicamente serve, claro, como munição para oposicionistas ligarem deslizes à gestão municipal.

No caso específico, uma gestão que tem brigado na Justiça por mais vacinas. Que organizou uma força-tarefa, ontem, para vacinar até durante à noite; imunizando em um único dia, mais de 10 mil campinenses.
A “ironia” de Alexandre foi péssima. Péssima para ele, inapropriada para o momento e, também, muito ruim para o Governo liderado na ‘Casa’. Foi daquelas coisas que jamais deveriam ser ditas, nem por brincadeira. Uma piada sem graça alguma…
 
https://www.youtube.com/watch?v=8JqzPpb_O-w&t=1s

Veja também  Procura-se um discurso para uma candidatura de Veneziano ao Governo