Na Paraíba: bolsonaristas 'raiz' levantam bandeiras, mas são políticos do 'Centrão' que têm prestígio no Governo

Ministro Rogério Marinho visitou a Paraíba ontem ao lado do deputado Aguinaldo Ribeiro

Foto: Ascom

Ontem o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, visitou a Paraíba. Ele participou da entrega de imóveis populares em João Pessoa. Com Cícero Lucena (Progressistas) e o deputado federal paraibano Aguinaldo Ribeiro (Progressistas), Marinho discursou, conversou com famílias e fez questão de posar para fotos.

O roteiro do ministro bolsonarista tem sido quase uma regra, desde o início do Governo.
Embora a Paraíba tenha nomes que fazem parte do ‘bolsonarismo raiz’, a exemplo dos deputados Cabo Gilberto e Wallber Virgolino, na hora de dividir o palanque e o prestígio das obras são políticos do Centrão que ocupam os espaços.

Além de Rogério Marinho os ministros da Saúde, do Turismo, o presidente da Caixa Econômica Federal e o ministro da Economia vez por outra recebem em Brasília ou são recebidos, aqui na Paraíba, por lideranças do Progressistas, do Democratas, do PSD ou do Republicanos.

Ou seja: o núcleo ‘raiz’ briga pelo presidente e levanta bandeiras, mas quem acumula o prestígio aqui no Estado são deputados como Aguinaldo Ribeiro, Efraim Filho, Hugo Motta, o ex-prefeito Romero Rodrigues e a senadora Daniella Ribeiro.

São eles que ‘saem nas fotos’, apresentam pleitos e são recebidos nos Ministérios.
Um fenômeno parecido acontecia na época dos Governos petistas, quando figuras do MDB gozavam de mais trânsito na gestão que nomes do petismo tradicional.
É o pragmatismo da política e dos mandatos que impera, nesses casos.
Hoje o bolsonarismo ‘mais autêntico’ tem servido de grama na cadeia alimentar do Governo. Não consegue chegar à mesa, nem nos palanques dos Ministérios.

Veja também  Golpe do câmbio em Campina: MPF pede absolvição parcial de dois sócios. Terceiro está foragido