João Paulo Medeiros

Na Paraíba: bandidos usam nome de juiz para aplicar golpe

Uma vítima depositou R$ 3,5 mil na conta de estelionatários

Foto: Arquivo Pessoal

Nem mesmo o Judiciário escapa da ação de bandidos que atuam, nas redes sociais, tentando aplicar golpes. Ontem o juiz Antônio Eugênio Leite, da comarca de Itaporanga, anunciou que golpistas usaram o nome e a foto dele, em um aplicativo de mensagens, para pedir dinheiro a pessoas conhecidas.
Em um dos casos, a vítima chegou a depositar R$ 3,5 mil na conta do estelionatário.
“Ninguém está isento”, disse o magistrado.
E não está mesmo. Todo cuidado é pouco.

Veja também  Em país polarizado, lulistas expõem cartazes para bolsonaristas na Paraíba